Dica: Carregue dados para o Excel através de uma fotografia do seu smartphone

As apps que temos no smartphone devem melhorar o nosso dia a dia. Precisamos que elas agilizem processos repetitivos e que consomem demasiado tempo.

Um excelente exemplo surge agora, com uma novidade no Excel do Android e iOS. Estas apps permitem que se carreguem dados usando uma simples e rápida fotografia.

Esta novidade já tinha sido falada e revelada pela Microsoft. Agora, e dando continuidade aos muitos desenvolvimentos, chegou para ser usada por todos. Basta apontar a câmara para uma tabela e esta será carregada.

Como carregar dados para o Excel com uma fotografia

Para iniciarem este processo devem ter instalado o Excel, para Android ou iOS. Só precisam por isso de abrir a app e escolher a opção de criar um novo documento.

Escolham o tipo que querem usar, tipicamente um livro em branco e sem qualquer modelo associado. Entrem no documento e preparem-se para carregar dados.

Captar uma imagem com os dados de uma tabela

De seguida, e na zona inferior do documento, vão encontrar o ícone para captar a imagem. Carreguem então na tabela com a máquina fotográfica para iniciarem o processo.

Neste momento só precisam de apontar a câmara para a tabela que querem importar. Podem fazê-lo tanto na vertical como na horizontal. Preocupem-se em enquadrar a tabela e que os dados sejam visíveis.

Validar e otimizar os dados captados

Agora que a tabela está na imagem, o Excel irá convertê-la para dados. Validem apenas a imagem, a tabela e o que fotografaram. Podem reduzir a imagem e até cortar parte da tabela.

Por fim o Excel vai mostrar os dados que tem para importar. A vermelho vão estar marcadas as células que podem necessitar de correção ou que o Excel tenha dúvidas dos dados.

Corrigir a informação importada pela imagem

Cada uma das células marcadas pode ser alterada e corrigida. O Excel vai passar por todas, podendo o utilizador corrigir ou ignorar a necessidade de alteração.

Por fim, e depois de tudo validado, a tabela será carregada a folha da app. Do que testámos, esta funcionalidade tem uma grande precisão e está madura para ser usada de forma constante.

Esta é mais uma excelente ferramenta que a Microsoft adiciona ao Excel, ainda que na versão para smartphone. Testem e vão ver a sua utilidade e capacidade de ler dados de imagens.

Análise: Blackview MAX 1, o smartphone projetor

As necessidades de utilização de um smartphone são muito variáveis entre os utilizadores. Por isso, a oferta é enorme, mas existem modelos que, pelas suas particularidades, respondem a exigências muito específicas. O Blackview MAX 1 é um desses casos.

A Blackview desenvolveu um smartphone a pensar na produtividade e colocou-lhe um projetor a laser. Em que cenários pode ser ele utilizado? A qualidade de imagem projetada é boa? E o desempenho do smartphone numa utilização diária? Estas e outras questões serão respondidas no decorrer de mais uma análise pormenorizada.

NOS é o primeiro operador em Portugal a disponibilizar o eSIM

Sabia que o seu cartão SIM (subscriber identity module) que é em plástico e que se encontra dentro do seu smartphone pode agora ser em software? O conceito de eSIM não é novo. A GSMA começou a explorar as possibilidades de cartões SIM baseados em software em 2010 e, este conceito, chega agora a Portugal, em primeira mão pela operadora NOS.

A operadora NOS acaba de anunciar que vai passar a disponibilizar o eSIM em Portugal. Segundo a operadora, todos os clientes NOS podem já usar esta tecnologia de forma gratuita, bastando ter um equipamento com suporte desta tecnologia. Este vai permitir ativar um tarifário móvel em equipamentos como smartphones e smartwatches sem necessidade de inserir um cartão físico.

Pode ser utilizado como um segundo cartão SIM, permitindo:

  • Ter um número pessoal e outro profissional
  • Adicionar um tarifário de dados
  • Ter um número temporário

Quais os smartphones que suportam eSIM?

Atualmente estão disponíveis 3 modelos com tecnologia eSIM na oferta de equipamentos da NOS: iPhone XR, XS e XS Max. A NOS refere também que “procura novas ofertas de equipamentos com eSIM junto dos fabricantes de smartphones e outros wearables, para potenciar a inovação no mercado Português”

Onde ativar o eSim?

Está previsto nas seguintes lojas NOS do Continente, Madeira e Açores:

  • NOS Braga Parque
  • NOS CC NorteShopping
  • NOS Avenida da Boavista
  • NOS Fórum Coimbra
  • NOS CC Colombo
  • NOS Avenida da República
  • NOS Fórum Algarve
  • NOS CC MadeiraShopping (Madeira)
  • NOS CC La Vie Funchal (Madeira)
  • NOS CC Parque Atlântico (Açores – São Miguel)

Em breve o serviço será disponibilizado em todas as Lojas da NOS.

A chegada do SIM embutido pode beneficiar várias categorias de dispositivos como Internet Of Things, dispositivos de saúde, etc. Em breve, mais dispositivos irão necessitar de ligação de dados diretos, e também porque a modernidade exigirá que o utilizador não tenha de estar a mudar de cartão SIM sempre que quiser trocar de operadora, simplesmente porque não faz sentido.

eSIM – NOS

Crie apps para Android: Guia do Android Studio para iniciantes

Se há uns anos o foco era a programação de apps para Desktop, atualmente a tendência é programar para a Web ou então criar apps nativas para dispositivos móveis. Para quem pretender começar a programar para Android, a nossa sugestão vai para o Android Studio. De acordo com a própria Google, com este IDE a programação para Android é mais simples e rápida.

Hoje vamos saber os primeiros passos para criar uma app.

Depois de instalado o Android Studio vamos então saber quais os passos para começar a programar. Para começar devem escolher a opção “Start a new Android Studio Project“.

Em seguida devem então escolher qual o tipo de projeto que vão desenvolver. Pode ser um projeto para smartphones, tablets, para Wear OS, TV, Android Auto ou na área do Android Things.

Vamos considerar, por exemplo, a opção Empty Activity. Para criarem um novo projeto devem indicar um nome para a app/plataforma, indicar o nome do package, local onde vamos guardar o projeto, a lingugem que vamos usar para programar e para que versão (mínima) do Android vai a nossa app ter suporte.

Depois de preenchidos os seguintes passos, estamos prontos para começar a programar a nossa aplicação. Do lado esquerdo temos toda a estrutura da nossa aplicação e do lado direito o código fonte da mesma. Na parte inferior teremos informação sobre o Build da app.

O Android Studio é uma plataforma de desenvolvimento para Android, criada pela Google. A plataforma é baseada no IDE IntelliJ IDEA da Jetbrains e é semelhante ao popular Eclipse, com ADT Plugin, ou ao Netbeans, oferecendo as melhores ferramentas e funcionalidades aos programadores.

Este IDE tem tudo o que um programador precisa para programar uma app, incluindo um editor de código bastante completo, ferramentas de análise de código, emuladores, etc.

Crie apps para Android: Guia do Android Studio para iniciantes

Se há uns anos o foco era a programação de apps para Desktop, atualmente a tendência é programar para a Web ou então criar apps nativas para dispositivos móveis. Para quem pretender começar a programar para Android, a nossa sugestão vai para o Android Studio. De acordo com a própria Google, com este IDE a programação para Android é mais simples e rápida.

Hoje ensinarmos como podem instalar esta plataforma para começar a programar.

O Android Studio é uma plataforma de desenvolvimento para Android, criada pela Google. A plataforma é baseada no IDE IntelliJ IDEA da Jetbrains e é semelhante ao popular Eclipse, com ADT Plugin, ou ao Netbeans, oferecendo as melhores ferramentas e funcionalidades aos programadores.

Este IDE tem tudo o que um programador precisa para programar uma app, incluindo um editor de código bastante completo, ferramentas de análise de código, emuladores, etc. Pode ainda programar para WearOS, Android TV, Android Auto e Android Things.

Crie apps para Android: Guia do Android Studio para iniciantes

Como instalar o Android Studio?

Instalar o Android Studio é algo relativamente simples. Para começar deve obter a última versão do IDE aqui. O Android Studio está disponível para Windows, Linux e macOS. Para este tutorial vamos usar uma máquina com macOS.

Depois de obter a versão para o seu sistema, basta que siga os seguintes passos. No caso do macOS devem arrastar o ícone do Android Studio para dentro de Aplicações.

Crie apps para Android: Guia do Android Studio para iniciantes

Em seguida indiquem se pretendem obter ou não as definições de versões mais antigas do Android Studio. Para este pequeno tutorial vamos considerar que não.

Crie apps para Android: Guia do Android Studio para iniciantes

Num das primeiras interfaces é solicitado ao utilizador que escolha o tema: o Darcula (um estilo de Dark Mode) ou Light.

Crie apps para Android: Guia do Android Studio para iniciantes

Em seguida é apresenta uma lista de componentes que serão descarregados para que o Android Studio funcione corretamente. Carregue em Finish e aguardem alguns minutos até que o IDE fique operacional.

Crie apps para Android: Guia do Android Studio para iniciantes

Após a instalação escolham se querem iniciar um novo projeto no Android Studio, se querem abrir um existente, se querem importar um projeto realizado, por exemplo, no Eclipse, etc.

Crie apps para Android: Guia do Android Studio para iniciantes

Como referido, com esta plataforma, podem criar apps para o vosso smartphone, tablet, Wear OS, TV, Android Auto e Android Things.

Dica: Como partilhar a sua localização no Google Maps enquanto faz uma viagem

Com as aplicações de mapas a que hoje temos acesso, é simples guiarmo-nos para qualquer lugar, sem nos perdermos. Claro que a isto podemos juntar também a partilha de informação e de muito mais.

Hoje vamos explicar como podem partilhar a vossa localização com outras pessoas sempre que fizerem uma viagem recorrendo ao Google Maps. Veja como é simples.

O Google Maps está cada vez mais adaptado para não ser apenas um programa de mapas para navegação. Está a receber constantemente novas opções e novas funcionalidades, para que possa ser usado noutros contextos. Um deles é, sem dúvida, a possibilidade de partilha de informações e de localizações.

Partilhar a localização no Google Maps durante uma viagem

Uma das mais importante partilhas que pode ser feita, é a da nossa localização durante uma viagem. Para além de podermos indicar a que horas chegamos, podemos também indicar onde estamos e que caminho estamos a seguir. Para fazer essa partilha só precisam de iniciar uma viagem e de carregar na seta que está à direita.

Na lista de opções presentes, podem encontrar várias que podem usar para várias funções. A que procuram aqui é a Partilhar programa da viagem. Só precisam de carregar na opção presente.

De seguida vão ser mostrado as diferentes opções de partilha. Têm presente um conjunto de contactos, usado o Google Maps, ou uma lista de apps pela qual podem partilhar a localização.

Depois de escolhida a forma de partilha, que pode ser via contacto ou app, o Google Maps vai iniciar a transmissão. Não será feita de imediato e poderá, por isso, ser cancelada a qualquer momento.

Lembrem-se que esta partilha vai ser mantida durante o tempo que durar a viagem e que apenas ao chegarem ao destino será cancelada. Esta é uma forma muito interessante de manter o contacto e de garantir que sabem sempre onde estão durante qualquer viagem.

As melhores apps Android para condutores

Se por um lado o smartphone pode ser o maior inimigo do condutor, por outro, se utilizado de forma segura, pode ser um excelente aliado. Para tal, a escolha das apps certas também faz a diferença.

Hoje a sugestão vai para uma seleção de apps destinadas para condutores.

aCar – gestão de custos com o carro

A aplicação contém bastantes funcionalidades relacionadas com custos de operação e manutenção do veículo.

Valores de combustível e respetivos abastecimentos, registos de manutenção e outros gastos, registo de viagens, notas e acidentes… Além disso, as capacidades desta aplicação são alargadas a todo o espetro. Incluindo alarmes para revisões e gráficos estatísticos de todos os dados adquiridos e submetidos.

Este programador disponibiliza ainda uma Web app que serve exclusivamente para registar consumos, é a Fuelly Web App.

Homepage: Fuelly
Preço: Gratuito


Radares de Portugal – comunicação entre condutores

A app Radares de Portugal é uma extensão daquilo que já se conhece da comunidade da rede social. Nesse sentido, continua a promover a interacão entre os condutores para comunicação da localização dos radares.

Assim, apresenta os radares fixos existentes nas estradas nacionais, os utilizadores poderão introduzir manualmente a localização de radares móveis e da PSP e incluir ainda uma fotografia relacionada.

Homepage: Radares de Portugal
Preço: Gratuito


Torque Pro (OBD2 / Carro) – tudo sobre o carro em tempo real

A app Torque Pro (OBD2 / Carro) permite ao utilizador para ler erros da interface OBD2 e ver outra informação útil, relacionada com a centralina. A aplicação é bastante completa pelo que valerá a pena investir na versão Pro. Ainda assim, o programador oferece uma versão lite.

Homepage: Ian Hawkins
Preço: 3,55 €


AutoBoy Dash Cam – a câmara de trânsito no telemóvel

O smartphone pode ser transformado numa câmara de trânsito. A particularidade desta app prende-se com o facto de ser gratuita e de permitir continuar a gravar em segundo plano. As funcionalidades são alargadas em termos de gravação.

Homepage: HappyConz
Preço: Gratuito


Drivvo – mais uma app para gestão de despesas

Drivvo é também uma app que permite fazer a gestão dos gastos com o seu veículo de forma fácil e rápida. Com o Drivvo, pode controlar desde o abastecimento à manutenção, consultar relatórios detalhados e ainda guardar as datas importantes relacionadas com o seu veículo, de forma a ser lembrado sempre que necessário.

Homepage: Drivvo
Preço: Gratuito


Tem seguro? – toda a informação útil sobre seguros

Através da câmara do seu telefone, por introdução manual da matrícula, ou ainda de uma fotografia preexistente identificando a matrícula de um veículo, a aplicação informa o utilizador sobre a existência e validade do seguro automóvel, número da apólice, entidade seguradora e as datas de início e de fim do seguro.


Qual veículo é – informação apenas pela matrícula

São vários os carros que circulam pelas nossas estradas. Se alguns são bastante comuns, a verdade é que por vezes nos cruzamos com verdadeiras relíquias ou modelos e versões menos usuais sobre as quais queremos saber mais.

É precisamente para estas situações que surgiu a “Qual veículo é”, uma aplicação que permite pesquisar pela matrícula do carro para conhecer mais pormenores sobre o modelo em causa.

Homepage: GLiApps
Preço: Gratuito