Primeira aplicação em Android

Primeira aplicação em Android – Parabéns PPLWARE

Criado por Pedro Pinto em 18 de Abril de 2011 | 28 comentários

Aproveitando que hoje é um dia muito importante para o pplware, decidimos “inaugurar” a nossa rubrica de programação para dispositivos móveis com Android. Como normalmente refiro, programar em Android não é diferente de programar em outras linguagens de programação, no entanto é necessário perceber como se interligam os layouts em XML, com as classes em Java e por aí fora.

Vamos lá então começar com o tradicional “Hello World” e aproveitamos para dar os parabéns ao pplware pelo sexto aniversário.

android_10

Há uma lenda que diz o seguinte “Se vais começar na programação e a tua primeira aplicação não é o Hello World, nunca vais ser bom programador !!!!” :) .

Depois de prepararem o vosso ambiente de trabalho Eclipse + SDK (ver aqui), vamos abrir o Eclipse e seguir os seguintes passos:

Passo 1 – Criar um novo projecto Android. Para tal, no Eclipse, escolhemos File—>New—>Other e depois escolhemos Android Project e carregamos em Next.

android_00

Passo 2 – Em seguida vamos indicar os parâmetros do nosso projecto

  • Project name – Nome a atribuir ao projecto
  • Built Target – Requisito mínimo a nível de versão  Android para correr a nossa aplicação
  • Application name: Nome da aplicação
  • Package name: Namespace do pacote a criar ( No mínimo dois nomes).
  • Create Activiy: (Opcional) Nome a associar classe default.
  • Min SKD Version: versão mínima do SDK (Podem ver o número a associar no Built Target)

android_01

Para finalizar carregamos em Finish. Depois de definido os parâmetros anteriores, a aplicação está pronta a funcionar. Vamos apenas dar uma vista de olhos na estrutura do projecto.

Passo 3 – De um modo geral, um projecto para Android é constituído por classes .java (que estão no directório src), layouts baseados em .xml (que estão normalmente dentro da pasta res/layouts), ficheiros em .xml que podem guardar valores de variáveis e mais um conjunto de directórios que servem de suporte ao projecto (para incluir imagens, ficheiros de áudio, etc).

android_02

Passo 4 – Abrindo o ficheiro HelloWorld.java, podemos verificar que foi  uma classe que deriva da classe Activity e que possui um método onCreate que invoca o método setContentView, que invoca o layout main.

android_03

Passo 5 – Vamos agora dar uma espreitadela ao ficheiro main.xml que se encontra dentro da pasta res/layout. Como podemos verificar, é exibido um preview do layout e apresentado o texto “Hello Word, HelloWord” através de uma textview.

android_04

Passo 6 – Acedendo às propriedades da textview, podemos verificar que o texto a apresentar vem da variávelhello que é do tipo String.

android_05

Passo 7 – A informação dessa variável encontra-se no ficheiro strings.xml, que se encontra em res/values.

android_06

Passo 8 – Vamos agora correr a aplicação e ver o resultado. para tal, convém seleccionar a classe principal (neste caso HelloWorld.java) e carregar no botão Run

android_07

Passo 9 – Depois escolhemos a opção Android Application e deixamos o emulador correr.

android_08

Passo 10 – E está feita a vossa primeira aplicação para Android. Caso tenham o smartphone com Android ligado ao PC, podem escolher que a mesma corre directamente no equipamento.

android_09

Trabalho de casa

Agora que começaram a dar os primeiros passos na programação para Android, experimentem fazer o seguinte: em vez de apresentar o Hello World, a aplicação deverá apresentar o texto PARABENS PPLWARE pelo teu 6º Aniversário!!!!, tal como é apresentado na primeira imagem. Deixo uma dica, lembram-se da String hello? Vejam o Passo 6.

Considerações finais

Este é o nosso primeiro artigo sobre programação para Android e esperamos que tenham compreendido. Nos próximos artigos desta rubrica abordaremos mais algumas características e pormenores. A fase inicial (fase de adaptação) é sempre a mais difícil e por isso é importante saber a vossa opinião, as vossas duvidas, as vossas sugestões.

Download: HelloWorld

Bump – É só bater o Android no iPhone

Bump – É só bater o Android no iPhone

Criado por Pedro Pinto em 27 de Março de 2011 | 9 comentários

Partilha simples de informação entre smartphones com Android e também iPhone.

Há uns anos a possibilidade de ligar dois equipamentos em rede era algo complexo.Ainda me lembro a primeira vez que tentei ligar dois computadores entre eles. Na altura tinha um cabo paralelo e lembro-me foi uma tarefa árdua. Nos dias de hoje tudo é bem mais simples, há mais tecnologias e aplicações que facilitam este processo.

Recentemente experimentei uma aplicação bastante engraçada que permite partilhar informação entre um Android e iPhone. Vamos conhecer o Bump.

bump_000

O Bump simplifica aquilo que por norma é chato de realizar nos smartphones, configurar os equipamentos para poder partir informação. Com o Bump, para partilhar informação entre equipamentos (Android e iPhone) basta apenas bater um equipamento no outro (tipo como se estivéssemos a comemorar).

bump_01

O Bump está dividido em duas partes: a aplicação que corre que dispositivo e um algoritmo inteligente que corre na cloud dos servidores do serviço Bump. A aplicação recorre ao acelerómetro para activar o “bump” sendo que essa informação é de imediato enviada para a cloud. O Bump usa a ligação wifi/3G para efectuar a transferência de ficheiros entre equipamentos.

Vejam o Bump em acção:

Como instalar o Bump no Android?

Caso queiram experimentar esta aplicação, basta que apontem o vosso leitor de códigos QR para a imagem abaixo, e serão encaminhados para a aplicação no Android Market.

qr_bump01

Como instalar o Bump no iPhone?

Para instalar o Bump no iPhone basta aceder a AppStore aqui, ou carregando na imagem seguinte

appStore

Com o Bump acabou-se o “stress” de configurar os smartphones para partilharem informação entre eles. Basta ter o bump instalado e a correr (no Android ou iPhone) e fazer o “bump” entre eles.

Homepage:Bump

DevCheats – Cheat Sheets de programação no Android

DevCheats – Cheat Sheets de programação no Android

Criado por Pedro Pinto em 19 de Janeiro de 2011 | 12 comentários

Actualmente são muitas as linguagens de programação que um utilizador tem à disposição para realizar as suas próprias aplicações/scripts. Para quem costuma programar em mais do que uma linguagem, às vezes torna-se difícil lembrar-se de todas as funções e respectivos parâmetros. É claro que podemos sempre consultar o “inteligente” google e tirar as nossas dúvidas mas, através da aplicação DevCheats, podemos também consultar o nosso Android.

cheat_00

O DevCheats é uma pequena aplicação para Android, que funciona com uma “bíblia” das principais funções associadas às linguagens de programação e plataformas.

Cheat Sheets disponibilizadas:

  • Apache
  • Bash
  • C++
  • Drupal
  • GCC
  • GDB
  • HTML5
  • JavaScript
  • jQuery
  • Microformats
  • MySQL
  • PHP
  • PostgreeSQL
  • Python
  • Regular Expressions
  • Ruby on Rails
  • SEO
  • SVN
  • WordPress

cheat_01

Como instalar o Cheat Sheets no Android?

Caso queiram experimentar esta aplicação, basta que apontem o vosso leitor de códigos QR para a imagem abaixo, e serão encaminhados para a aplicação no Android Market.

qr_cheat

Em Resumo

Pessoalmente gostei bastante desta aplicação uma vez que me permite ter no meu smartphone uns “resumos” das principais funções que estão disponíveis nas linguagens de programação. O DevCheats pode ser também uma aplicação interessante para alunos e programadores, que assim podem trazer todos os guias no bolso.

App Inventor

Nos últimos tempos, devido ao destaque que temos dado às aplicações desenvolvidas para Android, tenho recebido alguns e-mails de utilizadores que questionam qual a plataforma de programação que devem usar para começarem a programar para Android.

Pessoalmente tenho experimentado o Eclipse e o desenvolvimento de aplicações para Android é bastante acessível (basta ter alguns conhecimentos de Java e XML). Para quem não gostar do Eclipse, pode sempre optar pelo Netbeans.

No entanto, tal como anunciamos em Julho, a Google tem trabalhado arduamente no Google App Inventor, uma plataforma bastante simples para desenvolvimento de aplicações para Android. Actualmente essa plataforma de programação está disponível para todos os utilizadores que possuam uma conta no gmail.

android_00

A ferramenta Google App Inventor foi criada pela Google com o objectivo de ser simples e de dar a possibilidade a qualquer utilizador (mesmo sem conhecimentos de programação) de criar aplicações para o Android.

Como escrever aplicações para Android com o App Inventor?

O App Inventor baseia-se no drag and drog de blocos de código, que são representados através de imagens gráficas e que correspondem a funcionalidades do smartphone.

A programação das aplicações é bastante intuitiva, pois basta ao utilizadores ir juntando objectos , como se de um jogo de lego se tratasse. Actualmente existem já algumas aplicações modelo (ver aqui), que podemos analisar e tirar algumas ideias para a nossa aplicação.

Para mais fácil perceber o conceito, aconselhamos a que assistam ao vídeo seguinte:

Segundo Karen Parker (App Inventor Program Manager da Google), o motivo da disponibilização da plataforma Google App Inventor a todos os utilizadores com conta no gmail, deve-se ao enorme sucesso do sistema operativo Android. Karen Parker incentiva também todos os utilizadores que se iniciem no mundo da programação para dispositivos móveis, mais concretamente para Android, que permitem informação e boas práticas no fórum de discussão da plataforma.

O App Inventor é sem dúvida uma excelente, simples mas poderosa ferramenta que vem mudar a filosofia de programação de aplicações para dispositivos móveis, mais concretamente dispositivos com o sistema operativo Android. Do pouco que ainda experimentei, deu para perceber que a filosofia não foge da programação orientada a objectos e acredito que com breves noções um utilizador consegue desenvolver uma simples aplicação.

Nota final: Já que o Google App Inventor está agora disponível para todos os utilizadores, vamos tentar trazer até vós alguns tutoriais de como ensinar a programar aplicações para Android. O que acham da ideia?

Artigos relacionados

Homepage: App Inventor
Homepage: Forum de discussão – App Inventor for Android

Tema Android para Windows 7

Tema Android para o seu Windows 7

Criado por Pedro Simões em 15 de Outubro de 2010 | 31 comentários

O Ambiente de Trabalho de um computador deve reflectir as escolhas que o seu utilizador faz. Mostrar as suas preferências e quais as suas opções. Devemos tê-lo adequado às nossas vontades!

Por essa razão resolvemos trazer para todos os utilizadores de Android um tema que podem aplicar ao seu Windows 7. Tornam assim o seu Ambiente de Trabalho mais adaptado à sua realidade e qual foi o sistema operativo de eleição para o seu telefone.

Este tema consegue dar uma imagem mais apelativa ao Windows 7 pois incorpora um conjunto de wallpapers alusivos ao sistema operativo que a Google desenvolveu para os dispositivos móveis. Ao todo são 25 imagens que podem ser usadas como pano de fundo.

Para além das imagens de fundo tem ainda um conjunto de ícones que substituem os do Windows 7. Ícones como a reciclagem, o meu computador  ou a pasta dos documentos do utilizador são alterados e passam a ter uma imagem mais Android.

Existe ainda um esquema de sons que será aplicado aquando da selecção deste tema.

A sua instalação é simples. Basta descarregarem o ficheiro indicado no final do artigo e descomprimi-lo. Dentro da pasta que dai resultar vão encontrar um ficheiro com a extenxão .themepack. Executem-no e o vosso theme fica instalado.

Afinem-no como pretenderem, seleccionando as imagens que pretendem que sejam mostradas e estão com o vosso Ambiente de Trabalho um pouco mais Android.

Se são utilizadores de Android este é um tema que devem ter instalado. Mostrem ao mundo qual é a vossa escolha!

Sejam uns orgulhosos utilizadores de Android e usam o Windows 7 para o provar.

Download: Windows 7 Android Theme [10.36MB]