Cobian Backup

Cobian Backup 10.1.1.809 – Uma alternativa viável

Criado por Pedro Simões em 23 de Setembro de 2010 | 8 comentários

Cobian Backup é um programa “multitarefas” que pode ser usado para agendar cópias de segurança dos seus ficheiros e directorias. A tarefa cópias transfere os dados do local original para um outro local/drive dentro do mesmo computador ou um computador ligado à rede local.

Pode também agendar o envio de dados via FTP de forma “bidireccional” (download and upload). Cobian Backup apresenta-se em duas versões: a aplicação e o serviço. Neste formato de serviço o programa usa pouquíssimos recursos e corre de forma silenciosa nos serviços do Windows, actuando conforme a agenda de backups.

Esta ferramenta é a solução ideal para usar como agenda de cópias de segurança, sejam elas em estado original dentro das pastas ou em modo “zipado” fazendo uso do seu suporte para vários métodos de compressão e encriptação.

Novidades desta versão:

  • É agora possível mostrar o caminho completo de cada ficheiro na status bar.
  • Resolvido o bug que impedia o correcto funcionamento dos backups definidos para uma periodicidade mensal. Apenas o primeiro era executado.
  • Actualizados diversos idiomas.

Podem ler aqui as alterações desta versão e das anteriores.

Licença: Freeware
Sistemas operativos: Windows XP/ Server 2003/ Vista / Server 2008 / 7 (versões 32 e 64bits)
Download: Cobian Backup 10.1.1.809 [14.77MB]
Homepage: Cobian Backup

Dica: Recupere as suas passwords através do Bookmarks

Dica: Recupere as suas passwords de forma simples

Criado por Pedro Simões em 20 de Setembro de 2010 | 17 comentários

Uma das perguntas que me fazem de forma recorrente é como recuperar as passwords que estão memorizadas nos browsers. A funcionalidade de memorização que é disponibilizada aos utilizadores é sem dúvida muito útil e permite que não tenham de se preocupar em escrever todos os dias, e várias vezes, os nomes de utilizador e as passwords dos mais variados serviços. Basta carregar no botão de acesso pois os dados estão já previamente preenchidos.

O problema maior é quando pretendem aceder a esses mesmos serviços noutro browser ou noutro PC e já não se recordam por, habitualmente, não os escreverem. É possível aceder a esses dados através das configurações dos browsers, mas nem sempre é óbvio ou fácil esse caminho. Por forma a contornar esse problema vamos apresentar um script de java que permite aceder a esses dados de forma simples e com apenas o acesso a um marcador do vosso browser.

Imaginem a chatice que é quererem aceder ao vosso email (Gmail, Hotmail, Yhaoo Mail, etc) e perceberem que não se lembram da password. O processo de recuperação dessas passwords pode ser chato e nem sempre bem sucedido. No entanto, sabem que no outro PC que habitualmente utilizam essa password está memorizada, mas que vão ter de chatear alguem para vos explicar como aceder e ela pois não sabem como o fazer.

Passam a poder contar com um link que vos vai ajudar sempre que precisem de retirar as passwords que estão já preenchidas nas páginas web. E basta memorizarem um marcador no vosso browser.

Uma vez que é usado javacript e este vai olhar para os campos do form HTML presente na página, podem usá-lo em qualquer browser ou sistema operativo. Não têm de se preocupar com compatibilidade ou com locais de funcionamento.

Esse código, que apresentamos abaixo é extremamente útil e deve ser colocado num marcador. Sempre que o precisarem de usar, basta acederem à página do serviço e verificarem que o campo Password está preenchido. Depois disso basta então chamarem esse favorito.

javascript:(
  function()
  {
    var s,F,j,f,i; s = ""; F = document.forms;
    for(j=0; j<F.length; ++j)
    {
      f = F[j];
      for (i=0; i<f.length; ++i)
      {
        if (f[i].type.toLowerCase() == "password") s += f[i].value + "\n";
       }
    }
    if (s) alert("Passwords nos formulários desta página: \n\n" + s);
    else alert("Não existem passwords nesta página.");
  }
)
();

Sempre que se depararem com uma página com a password já preenchida chamam o marcador, ou copiam o código apresentado para a barra de endereço, e será apresentada uma caixa de diálogo com o texto “Passwords nos formulários desta página:” e a password abaixo. Se existirem vários campos de password nessa página web eles serão apresentados em linhas consecutivas.

Aproveitem e espalhem esta pequena pérola pelos vossos amigos. Mais dia, menos dia vão precisar dela. Ou vão estar na posição de quem vai ter de desenrascar o outro utilizador ou então vão ser vocês o enrascado.

Fica então aqui o link que podem adicionar aos vossos favoritos: Mostrar password’s.

Memorizem-no no vosso browser e utilizem-no sempre que precisarem de se lembrar da password que está atrás dos asteriscos ou dos pontos no campo Password.

Bookmark: Mostrar password’s

Redes – como funciona um Hub?

Redes – Como funciona um HUB?

Criado por Pedro Pinto em 17 de Setembro de 2010 | 40 comentários

Depois de recentemente termos apresentado num artigo o modelo de referência OSI da ISO (ver aqui), é hora de vos dar a conhecer o funcionamento dos principais equipamentos activos de uma rede. Para isso, vamos apresentar as principais especificações de um Hub, o modo de operar numa rede e para facilitar a compreensão, criamos um  pequeno vídeo demonstrativo do funcionamento de um Hub.

HUB_00

Ora bem, o HUB (ou concentrador de rede) é um equipamento activo que funciona na camada 1 do modelo OSI (camada física) e tem como principal funcionalidade a interligação entre computadores de uma rede uma vez que possui várias portas RJ45 (ou ISO 8877) fêmea. Quando recebe informação numa determinada porta, o HUB transmite esse informação por todas as outras portas, excepto por aquela que recebeu essa informação (flood), criando assim um único domínio de colisão e diminuindo a performance. Além disso, os Hubs apenas permitem comunicações em simultâneo entre dois pontos, isto é, se tivermos um PC A ligado a porta 1 e outro PC B a porta 2, e estiverem a comunicar entre eles via HUB, se o PC C ligado à porta 3 pretender comunicar com o PC D ligado a porta 4 terá de esperar que termine a ligação entre o PC A e o PC B (a comunicação é estabelecida por fracções de tempo mediante o número de portas do HUB activas).

Exemplo do funcionamento de um Hub

Vamos então a um pequeno exemplo. Para isso montei um simples cenário com 4 PC’s e um único HUB. Os pc’s têm a seguinte configuração (todos têm a mesma máscara: 255.255.255.0 e não têm configurado qualquer gateway pois estão todos na mesma rede)

  • PC A – IP: 192.168.0.1
  • PC B – IP: 192.168.0.2
  • PC C – IP: 192.168.0.3
  • PC D – IP: 192.168.0.4

Para verificar como o HUB se comporta, vamos realizar um ping (recorrer ao protocolo ICMP) entre o PC com o IP: 192.168.0.1 e PC com o IP 192.168.0.2.

O pacote vai partir do PC A (com o nome pplware), vai ao HUB e depois o HUB envia essa informação para todas as suas portas, excepto por aquela que recebeu. O PC (snake) vai responder a esse pedido já que a informação é para si, e todos os outros vão descartar essa informação. Quando a resposta ao pedido chega novamente ao HUB, ele vai fazer exactamente o mesmo (enviar por todas as portas, excepto por aquela que recebeu). Isto acontecerá sempre que haja uma transmissão entre duas máquinas.

Nesse sentido, alguns administradores designam o HUB de um equipamento burro uma vez que este não consegue nem tem funcionalidades para guardar informação relativamente às máquinas (com base no Mac Address) que tem em cada porta, assim como acontece por exemplo nos switchs.

Os Hubs estão em desuso há já algum tempo, no entanto ainda se podem encontrar em algumas grandes superfícies comerciais, e são por norma baratos.

Espero que tenham gostado do artigo, e que de uma forma geral tenham percebido o funcionamento geral de um Hub.

Artigos relacionados

SpiceWorks – Gestão de redes

SpiceWorks – Monitorize toda a sua rede informática

Criado por Pedro Pinto em 21 de Setembro de 2010 | 21 comentários

As redes informáticas, ao contrário do que muitos pensam, são “palco” de muitos desafios para os Administradores de Sistemas. Mesmo depois de acharmos que está tudo implementado e a funcionar, é muito importante que se monitorize todos os equipamentos passivos e activos, de forma a proceder a possíveis afinações e a detectar eventuais problemas.

Por melhor e mais experiente que seja um Administrador de Redes, é importante que este tenha também ao seu dispor uma ferramenta de monitorização e alarmistica, que lhe permita ter uma visão global de toda a sua rede.
Aproveitando a dica enviada pelo grande amigo e leitor do PPlware, o Beto, apresento-vos o SpiceWorks.

spice_00

O SpiceWorks IT Desktop é uma aplicação open source que inclui várias funcionalidades, das quais se destacam a monitorização de redes, inventário da rede, software de Help Desk, auditoria de redes, etc. É uma aplicação direccionadas para as PME, que possuam parques informáticos já com alguma dimensão.

Vejam o SpiceWorks em acção

Inventários de rede

O inventário de uma rede (documentação), é algo sempre importante para qualquer administrador de rede. O Spiceworks disponibiliza um módulo que permite catalogar todo o software e hardware existente num parque informático. É possível descobrir na rede: PCs, independentemente do sistema operativo, impressoras, routers, swicths, ou outro qualquer dispositivo que tenha associado um IP.

spiceworks_00

Monitorização da rede

É importante para qualquer Administrador de Sistemas saber o estado da sua rede e dos equipamentos activos que a constituem. O Spiceworks permite-lhe, através do modulo de monitorização da rede verificar se por exemplo alguma máquina está com falta de espaço em disco, se um anti-vírus está ou não actualizado a nível de assinaturas, etc. É possível também identificar na rede, quem instalou um determinado software e é dada também a possibilidade ao gestor do Spiceworks,  de aceder aos logs e eventos de todas as máquinas da rede.

spiceworks_03 Outra das opções, é a visualização dos eventos ocorridos, através de um gráfico.

spiceworks_01

Software de Help Desk

Um aplicação que permita realizar a gestão dos pedidos de Help Desk é sempre importante no sentido em que nos permite registar problemas, notificar o utilizador do estado do problema reportado (via e-mail, com anexos), entre outras funcionalidades. Podemos criar vários grupos de acção, e assim redireccionar os tickets dos utilizadores, mediante os pedidos.

spiceworks_02

Esta é sem dúvida uma aplicação que os Administradores de rede devem ter em consideração, uma vez que aplicações do mesmo tipo têm por vezes valores exorbitantes. É uma ferramenta bastante interessante, que disponibiliza as funcionalidades essenciais para se gerir mais comodamente qualquer rede informática.

O SpiceWorks conta actualmente com uma grande comunidade de utilizadores, que partilham as mais diversas informações num fórum de discussão (Aceder aqui).

Aguardamos o vosso feedback.

altLicença: Freeware

altSistemas Operativos: Windows XP/Vista/Win7

altDownload: SpiceWorks [24,27 MB]

altHomepage: Spiceworks

Dexpot 1.5.6. – Efeitos fantásticos no Windows

Dexpot 1.5.6 – Efeitos fantásticos no Windows

Criado por Pedro Simões em 17 de Setembro de 2010 | 7 comentários

Crie áreas de trabalho virtuais no Windows

Como utilizador frequente do meu computador, um dos problemas que tenho deve-se à quantidade de janelas abertas que vão ficando espalhadas pela área de trabalho. Para resolver este problema, há muito softwares capazes de criar áreas de trabalho virtuais, hoje damos a conhecer o Dexpot. O Dexpot é um super programa para criar áreas de trabalho virtuais, permitindo assim um trabalho mais eficiente e cómodo por parte do utilizador.Inclui um conjunto de funcionalidades, que fazem deste pequeno software uma aplicação must-have.

depox_5

Como já referi, o Dexpot é simples de usar e inclui um conjunto muito atractivo de funcionalidades. Vamos analisar algumas das funcionalidade inerentes a esta aplicação.

Plugin: Dexcube Transições com efeitos 3D. Dentro das transições podemos definir os efeitos:

  • Cubo
  • Breakfast plate
  • Wall
  • Filmstrip

depox_1

Plugin: SevenDex É um botão suplementar, que fica na barra de tarefas, permitindo o acesso facilitado às áreas de trabalho. 

Plugin: Wallpaper Clock O Depox, através do plugin Wallpaper Clock permite ter wallpapers com relógio embutidos. Os modelos pode ser descarregados gratuitamente aqui depox_2

Plugin: Full-Screen preview

Através da opção Full-Screen preview, podemos “catalogar” todas as áreas de trabalho em full screen e assim visualizarmos facilmente o que está a correr em cada área virtual. depox_3

Desktop Preview

 

depox_4

Outra das opções é o Desktop Preview, que permite ao utilizador listar todas as aplicações abertas numa determinada área virtual. 

Principais novidades desta versão:

  • Adicionado um modulo Dexpot para a jumplist do SevenDex
  • Novas teclas de atalho para adicionar e remover desktops
  • Actualizadas as traduções para os idiomas Português e Hungaro
  • Bugs resolvidos
    • Desaparecimento da barra de tarefas
    • Selecção do screensaver em “Configure desktops”
    • Problemas com o botão direito do rato

Podem ler aqui a totalidade das novidades desta versão.

As funcionalidades apresentadas, fazem desta pequena aplicação, uma aplicação de eleição. Ao contrário de outras aplicações da mesma categoria, o Dexpot é simples e torna-se prático na sua utilização. Experimentem.

Licença: Freeware
Sistemas Operativos: Win2K/XP/Vista/7
Download: Dexpot 1.5.6 [3.90 MB]
Homepage: DexPot

Proteger um ficheiro PDF e preencher questionários

Para criar forms de questionários em PDF, visitar http://www.pdfescape.com/

PDFill PDF Tools are FREE. Included are Merge, Split, Reorder, Encrypt, Decrypt, Rotate, Crop, Reformat, Header, Footer, Watermark, Images to PDF, PDF to Images, Form Fields Delete/Flatten/List, PostScript to PDF, PDF Information, Scan to PDF, and Create Transparent Image options.

No watermarks! No pop-up ads! FREE for personal or commercial use! FREE distribution!

The following table explains each free function. Please click each item to see the details.

1.
Merge
Merge two or more PDF files into a single PDF file.

2.
Split or Reorder
Extract pages from a PDF file into a new file.  Reorder the page sequence into a new file.

3.
Encrypt and Decrypt with Security Options
Encrypt or Decrypt PDF documents (Master Password or User Password may be required).  Protect PDF files with passwords and prevent PDF files from being printed, copied, changed, filled, extracted, signed, assembled or merged. Supports Adobe® Standard 40-bit Encryption and Adobe® Advanced 128-bit Encryption

4.
Rotate and Crop
Rotate a PDF page by 0, 90, 180 and 270 degree. Crop a page to modify its layout of Print or View by specifying its margins.

5.
Reformat
Put multiple pages into one page to save paper and inks when printing hard copies.  Add note lines for handout. 

6.
Header and Footer
Add Headers and Footers to present information, such as date, time, page numbers, or the title of the document, in the top or bottom margins of a document.

7.
Watermark by Stylized Text
Add Stylized Text Stamp.

8.
Watermark by Image
Add Stamp using image file (bmp, jpg, gif, png, tiff, and wmf).

9.
Convert Images to PDF
Convert images (bmp, jpg, gif, png, tiff, and wmf) into a PDF file with layout options. 

10.
Convert PDF into images
Save PDF pages into images (png, jpg, bmp and tiff) with DPI options.

11.
PDF Form Fields: Delete, Flatten, List
Delete, Flatten or List the PDF Form Fields inside a PDF file.

12.
Convert PostScript(PS) File into PDF
Covert PS files into PDF files so Adobe Reader can read them.

13.
Add Information
Add information (title, author, subject, keywords, created, creator, producer, version) to PDF documents.

14.
Free Scanner
Scan your paper form or photo as an image file (PNG, JPG, BMP, TIF, GIF) or a PDF file.

15.
Create Transparent Image
Create a transparent image with options to adjust transparency options

Use PDF Tools

There are a few ways to start PDFill PDF Tools:
1. Click the PDFill PDF Tools (Free) from your Desktop.
2. Start Menu -> Programs -> PDFill -> PDFill PDF Tools (Free).
3. Start PDFill PDF Editor. If you are not PDF Editor registered user, click FREE PDF Tools when the first dialog window comes up.
4. Inside PDFill PDF Editor, please Select Tools Menu -> FREE PDF Tools, or the Free PDF Tools Icon on the Toolbar.

In the PDF Tools window that pops up, select the FREE option you want to use.

Install FREE GhostScript before Use:

After installation, start PDFill PDF Tools. It will automatically check your system to see if you have GhostScript installed. If you do not, PDFill PDF Tools will download it for you. You can also manually download and install GhostScript from www.PDFill.com.Some computers may need to update Sun Java Machine.

Some computers may need to update Sun Java Machine.

Keystroke Logger

Actual Keylogger description:

 

Actual Keylogger – is a free keylogger which runs hidden in the background and automatically records all keystrokes (including Alt, Ctrl and other functional buttons). The interface can be password protected and the log files are encrypted. You can view the reports as HTML or plain text. In the hidden mode it is invisible in all operating systems. This free keylogger will be really helpful to both the system administrators and home users.

Download free keylogger

Actual Keylogger features:

  • Logs all keystrokes, is case sensitive.

  • When viewing the keystrokes can show only the characters without showing the pressed system keys which is more convenient. For example, if the following keys are pressed:

    “[Shift]It[Space]is[Space]free[Space]keylogger.”

    You can see the text

    “It is free keylogger.”

    having checked the “Show only characters” option.  

  • Log search with or without the case sensitive option.

  • All the information is stored in the encrypted log file.

  • Generates the report in the text and html format.

  • Works in the standard and hidden mode.

  • In the hidden mode it is invisible in all operating systems (in Windows NT/2000/XP processes as well).

  • Provides the opportunity to protect keylogger with the password, so that nobody except you could view the logs.

  • Is not detected by antivirus software.

The Actual Keylogger is necessary for:

  • For system administrators. Actual keylogger will help you to find out, what exactly took place in the system.

  • For CEOs. You can perform the full control of the computers of your company or enterprise. You will always know about all actions performed by the employees or other people on the computers of your company.

  • For parents. You will be able to find out what your children search in the net, and to check them.

  • For any user. Using our free keyloggerr, you will be able to establish the full control over your computer. Using the program constantly, you will able to restore the previously typed text in case you have lost it. The Actual keylogger will also help you to restore the forgotten password or the lost email.

  • For computer classes and Internet Cafes. Actual keylogger will let you find out, what the users have been doing on the computers.